....
....
COCAMPO LOGO
.
.
..
...
Fotógrafo: Jacobo de Gregorio

FINCAS PARA VENDA EM HUELVA

Huelva tem um total de 380.000 hectares de superfície agrícola utilizada (UAA) dos quais 22% são terras aráveis, 17% são culturas lenhosas e 60% são pastagens permanentes. É a segunda província espanhola (depois de Almeria) com a segunda maior UAA sob vidro com quase 12.000 ha. Entre as culturas herbáceas cultivadas em terras rústicas em Huelva, destacam-se morangos (é o maior exportador do mundo), mirtilos, framboesas e amoras silvestres. É também um grande produtor de pêssegos, nectarinas e ameixas. Em termos de gado, os principais produtos são os suínos, aves de capoeira e gado bovino. Na Andaluzia, Huelva é o líder em termos de gado e superfície agrícola orgânica, representando 19% da superfície agrícola orgânica certificada da região. O sector da caça nesta província é caracterizado pelas seguintes espécies predominantes: pombo-tartaruga, pombo-torcaz, perdiz e espécies de caça grossa, tais como javali e veado.

A província de Huelva, que pertence à Comunidade Autónoma da Andaluzia, está localizada no sudoeste da Península Ibérica, fazendo fronteira com o Oceano Atlântico, Portugal, Badajoz, Sevilha e Cádis. Do ponto de vista geográfico, destaca-se o Parque Nacional de Doñana com os seus famosos pântanos, a Serra de Aracena e Picos de Aroche, os rios Guadiana, Odiel, Tinto e Guadalquivir com as suas correspondentes bacias hidrográficas. Podemos distinguir quatro áreas geográficas: Sierra Morena, El Andévalo, La Campiña Onubense e a zona costeira. É uma das zonas mais belas do país, com montanhas escarpadas, planícies e praias espectaculares. Huelva é conhecida pelas suas adegas e olivais, e é um destino turístico popular. Huelva tem um clima mediterrânico continental com influências atlânticas, com uma temperatura média entre 18 e 20 graus Celsius. Existem muitas praias, e algumas das melhores são Playa del Portal, Playa de Matalascañas e Playa de Islantilla. Se procura uma província pitoresca com belas paisagens e aldeias encantadoras, este é o local ideal para si.

17

Propriedades a venda


€ 3.379.174

Preço médio


580 ha

ha médio


€ 5.830/ha

Preço médio de ha

FAQs

Qual é o preço médio de um finca em Huelva?

O preço médio das propriedades rústicas na província de Huelva é de aproximadamente 13.500 euros/ha.

Como posso encontrar casas de campo baratas para venda em Huelva?

Pode clicar em "mais propriedades" e dentro do motor de busca de todas as propriedades em Huelva filtrar por preço para encontrar as mais baratas. Se estiver à procura de casas de campo com piscina em Huelva para venda escreva a palavra-chave "piscina".

Onde é que os compradores procuram os fincas em Huelva?

A venda de propriedades rurais em Huelva está concentrada nos seguintes locais: Casas de campo em Aljaraque, Trigueros, Villablanca e Gibraleón.

Onde posso comprar casas de campo excluídas em Huelva?

Em Cocampo encontrará anúncios de casas de campo em Huelva publicados por bancos e caixas de poupança, que provêm de execuções de hipotecas ou adjudicações por por meio de pagamento.

Onde se pode encontrar zonas de caça em Huelva?

Pesquisar anúncios em Cocampo filtragem pela província de Huelva e seleccionar a categoria "cinegético". Se pretende arrendar um terreno de caça em Huelva, escolha a opção "arrendamento" ou escreva como palavra-chave "terreno de caça Huelva".

Onde encontrar uma casa de campo em Huelva para venda?

Se procura comprar uma casa de campo em Huelva, pode fazê-lo através de uma pesquisa no website da Cocampo. Filtrar pela província de Huelva, ordenar os resultados de acordo com as suas preferências e contactar o anunciante através da web para avançar na negociação. Pode também telefonar-nos se tiver alguma dúvida.

.
....
....
........
..
...
...
Usamos cookies próprios e de terceiros para fins analíticos com base em seus hábitos de navegação (por exemplo, páginas visitadas) graças aos serviços do Google Analytics. Clique AQUI para mais informações. Você pode aceitar todos os cookies pressionando o botão 'Aceitar'.
.
.